Tire suas dúvidas sobre mamografia 3D

Ano após ano universidades de estudos medicinais buscam uma técnica para a descoberta rápida e eficaz do câncer de mama uma doença séria, porém que ainda nos dias de hoje passa despercebida por muitas mulheres. A tomossíntese mamária conhecida também como tomografia tomográfica ou mamografia 3D foi aprovada recentemente pela ANVISA.

Este novo exame é capaz de aumentar em 12% as chances de se detectar o câncer de mama de forma precoce, tendo como seu principal objetivo detectar o câncer em seu estado inicial. Segundo exames já realizados no Brasil com o uso desta técnica conclui-se que o método realmente é mais preciso do que qualquer outro já visto até então.

Este método consiste pouco na qualidade do aparelho em si que é bem parecido com o da mamografia digital mudando apenas o deslocamento do seu ‘braço’ que contem ampolas de raio-x além de algumas modificações em seu software, sendo assim um método que redimensiona uma série de imagens bidimensionais (2D) durante seu deslocamento.

Existem muitas vantagens em se apelar a este exame meticuloso entre elas podemos destacar a grande prioridade da qualidade da descoberta do câncer, além é claro da facilidade com que o exame pode ser realizado. Devido a sua maior sensibilidade este método favorece a detecção precoce do câncer de mama, ou seja, é muito mais benéfico.

Sabendo que é complicado identificar o câncer de mama chegamos à conclusão de que é indispensável aderir ás novas técnicas eficazes para o seu tratamento. O tempo de readaptação para o uso dos equipamentos novos será bem curto, afinal ela não se modificou muito apenas alguns dos seus sistemas sofreram algum tipo de alteração.

Sabe-se que este novo método conhecido como tomossíntese substituirá em breve a nossa atual mamografia por ser muito mais preciso e eficaz, sendo assim indica-se aos pacientes que aguardem ansiosamente para a adesão deste sistema que trará muitos benefícios a saúde da população feminina, o método é dolorido de forma tolerável aas pacientes.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>