Tangerina: a cor para os cabelos

A cor tangerina está em alta entre as famosas. O tom, que se parece um ruivo, é, na verdade, uma cor alcançada com a aplicação da coloração correta e indicada para cada tom de cabelo.

Vermelhos e alaranjados são cores de difícil manutenção, pois demoram a se fixar no cabelo. Especialmente o tangerina, que é um laranja que fica bom nas mulheres nas mais branquinhas, por combinar melhor com a tonalidade da pele.

A forma de tingir irá depender de qual é a cor natural dos fios. Quem tem um tom castanho escuro, por exemplo, irá precisar que o cabelo passe por uma descoloração, seguida da coloração. A saúde do cabelo fica muito afetada e a cor, provavelmente, vai desbotar com facilidade. Quem já tem cabelos vermelhos, pode começar com reflexos no tom desejado.

Os cuidados devem começar antes mesmo da coloração, procurando um bom profissional que irá saber a cor exata. O principal erro das pessoas é olhar o tom da caixa e achar que é aquela cor que vai ficar, sem levar em conta as reações químicas de colorimetria.

Depois de tingidos, é necessário usar xampus, condicionadores, leave-ins e máscaras de tratamento específicas para cabelos coloridos. Além disso, deve-se ficar sempre atenta à cor dos fios, para que ele não fique com cara de desbotado. Uma dica é aplicar um totalizante na cor desejada a cada 20 dias.

Veja fotos de algumas famosas que apostam na cor tangerina:

4 comentários em “Tangerina: a cor para os cabelos”

    1. AI, GALERA, já basta a Natura com esse termo totalmente equivocado e ridículo de “ruivo desbotado”.. se tem alguém que é ruivo de verdade são elas, que tem o tom parecido com alguém que, de fato, nasceu ruivo.
      Quem escreveu essa matéria precisava se informar mais, viu.

      1. A turma ta precisando pesquisar mais na hora de falar de ruivo gente, pelo amor de Deus!
        Dói ouvir que ruivo natural é “ruivo que desbotou” ¬¬
        Não entende do assunto? Pesquise! Não quer pesquisar? Fale sobre outra coisa, pfvr! 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *