Maneiras de evitar lesões por esforço repetitivo

Muito embora o nosso corpo tenha sido projetado para que fosse possível realizar as mais diversas tarefas, vemos que nós não fomos projetados para realizar muitas das atividades que hoje se tornaram comuns como, por exemplo, trabalhar em escritório sentado o dia todo e digitando em um teclado de computador. Tais atitudes podem causar dores, incômodos, inchaço e até mesmo lesões.

Estes e muitos outros sintomas estão ligados a LER (Lesão por Esforços Repetitivos), esta não pode ser considerada uma doença de modo oficial, porém ela engloba todos os problemas que envolvem os esforços repetitivos, estas são brevemente analisadas em pessoas que praticam os mesmos movimentos muitas horas por dia ou até mesmo todos os dias do ano como é o caso de pessoas que trabalham muito com os mesmos movimentos, mas não necessariamente apenas nestas pessoas.

Quando se trata de atividades realizadas para o lazer é muito importante ficar atento também, pois em toda e qualquer atividade é necessário mais cedo ou mais tarde adaptação, porém uma adaptação correta não àquelas que naquele momento parece a mais apropriada. Os cuidados devem ser tomados antes que as dores apareçam, pois quando elas já estiverem instaladas será muito mais complicado conseguir tratá-la. A LER é um problema real e que merece atenção.

Seja qual for à atividade que você pretende realizar é muito importante usar todo o seu corpo, no caso de movimentos repetitivos iminentes (lembrando que o mais correto seria não realizá-los) o que indicamos é que você procure intercalar o movimento realizado por seu corpo, ou seja, a cada hora de trabalho repetitivo dez minutos de descanso, alongamento ou então relaxamento dos músculos. Muitos não acreditam, mas só por você parar durante alguns minutos com os movimentos já é possível receber melhorias.

Os alongamentos são atitudes importantíssimas para evitar a LER já para tratá-la serão necessários medicamentos fortíssimos além de eliminar de sua rotina qualquer possibilidade de realizar atividades que possam ser repetitivas criando outra lesão ou piorando a mesma. Não dispense a ajuda de um bom médico ele poderá lhe ajudar nesse aspecto, tenha em mente cuidar-se sempre.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *