Uma gravidez muda completamente o modo de viver de uma pessoa, muitos alertam os recém casados com relação à gravidez indesejada na realidade esse alerta é feito a todas as mulheres sem exceção. Isso se dá devido ao fato de que uma gravidez muda tudo em nossa vida, desde nosso corpo, passando pelo nosso psicológico chegando então a nossa consciência de que serão necessárias mudanças.

A mudança com relação à alimentação é a primeira delas, dizemos isso com uma clareza inabalável afinal você não terá de se alimentar apenas por você, mas sim pela criança que agora depende inteiramente de ti. Passaremos a consumir alimentos que não gostamos, quantidades que não consumíamos antigamente, além é claro de ter de aviar se certos alimentos são ou não benéficos ao seu bebe.

O acompanhamento pré-natal é justamente designado as gestantes por fatores como estes, serão impostos alimentos que você deverá comer, ou melhor, será imposta uma dieta completa do que você deve ou não comer. Para que você possa ter uma noção de como deverá ser sua alimentação durante esse período veja algumas informações a respeito e oriente-se não apenas aqui, mas também com seu medico.

– Alimentos ricos em vitamina A: Estes auxiliam no desenvolvimento celular, crescimento ósseo na formação do broto dentário do feto, interferindo assim no desenvolvimento do tecido e do sistema imunológico da gestante.

– Vitamina C, D e E: Auxiliam na formação do colágeno e dos vasos sanguíneos, além de nutrir o sistema da criança nutre também os da mãe, mantêm a integridade das células que transportam o oxigênio, promovendo diversos nutrientes.

– Carboidratos e ferro: Responsável pelo aumento da corrente sanguínea, além de produzirem as fontes de energia necessárias ao organismo, sem esses nutrientes o corpo perde gordura e proteínas, devido á isso são de máxima importância.

– Cálcio e fósforo: Formam o esqueleto fetal com mais resistência, auxiliando assim no desenvolvimento sadio do feto, sua ausência poderá causar má formação óssea além de inúmeros outros problemas vindos da falta de cálcio e fósforo.

– Acido fólico e o magnésio: Estes são outros dois compostos essenciais as futuras mamães não penas pela sua própria saúde, mas sim para o desenvolvimento do feto, é de máxima importância não desprezar nenhum dos conselhos aqui presentes.

Deixe uma resposta